Festival Internacional de Fotografia de Brasília Photo Show prorroga inscrições até 28 de agosto

  • Cultura
  • 27/08/2020 - 10:45
  • 211 Views

Trabalhos de fotógrafos brasileiros e estrangeiros estão no páreo da edição 2020/2021, que bateu novo recorde de trabalhos inscritos.

Contagem regressiva! O 6º Festival Internacional de Fotografia Brasília Photo Show (BPS), conhecido popularmente como o Oscar da Fotografia, está na reta final do período de inscrições. Devido às inúmeras implicações trazidas pela pandemia de Covid-19, a organização do Festival recebeu diversos pedidos para a extensão do prazo, que era 25 de agosto. O período foi prorrogado até o próximo dia 28. Fotógrafos que ainda não se inscreveram terão um tempo extra para enviar os trabalhos e concorrer a uma estatueta! Com agenda inclusiva, as edições anteriores receberam obras de brasileiros e estrangeiros, profissionais e amadores. De 2015 a 2019, mais de 46 mil imagens, feitas de celulares, de câmeras digitais amadoras ou equipamentos profissionais foram admitidas. A nova edição já ultrapassou as admissões da temporada de 2019, e contabiliza mais de 14 mil fotos inscritas. Depois de passar pela curadoria do Festival, elas são postadas em rede social para apreciação do público. Mais de 50 milhões de visitas à página oficial do festival, em uma única rede social, foram registradas até o final de 2019.

Para a edição 2020/2021, os participantes poderão escolher entre mais de 20 categorias disponíveis. A Lockdown, que recebe imagens que estabeleçam uma relação com a reclusão e a realidade imposta pela pandemia, é uma delas. As inscrições podem ser feitas somente pelo site oficial do festival. Cada participante, seja profissional ou amador, poderá inscrever até dois trabalhos originais/autorais gratuitamente. A partir da terceira foto, paga-se uma taxa de R$ 25,00 por cada obra inscrita, sendo, no máximo, 30 fotos por autor.

O tecnológico século 21 trouxe com ele uma acessibilidade incrível para fotógrafos e espectadores. Essa democratização da arte de fotografar, e também de apreciar, é a essência do Brasília Photo Show. Ao longo de cinco edições, quase duas mil fotos vencedoras foram publicadas em cinco livros de fotografia, lançados na festa de entrega dos prêmios, no final de cada ano. O Festival Internacional de Fotografia Brasília Photo Show também soma mais de 40 exposições realizadas em várias localidades, além de dezenas de experiências fotográficas gratuitas como palestras, workshops, foto-tour guiado por curadores do BPS, leituras de portfólio e rodas de conversas. “O Festival tem evoluído para ser um marco no circuito dos grandes festivais que celebram a fotografia no planeta”, detalha Rodrigo Nimer, diretor executivo do Group BPS.

Edu Vergara, fotógrafo idealizador e curador do BPS diz ser fascinante destacar o Brasil no mapa dessa arte. Ele lembra que grandes festivais sustentam o nome da cidade que os sediam. Cannes, Veneza, Toronto, Berlim são alguns exemplos. “Brasília é um ícone da arquitetura, foi construída por mãos de brasileiros vindos de todos os cantos do País, em um momento de efervescência cultural. Obras de tantos artistas icônicos estão por toda parte. Não podemos permitir que a cidade seja associada somente à política. Um festival como o BPS atrai os olhos do mundo para um Brasil cultural, e para uma arte muitíssimo acessível, a fotografia”, aponta.

Entre as novidades da nova temporada está a BPS Grand Gallery, uma galeria virtual na qual o visitante percorre os corredores contemplando os trabalhos premiados na edição do BPS 2019. Aliás, a Exposição BPS 2019 acaba de ser aberta e inaugura a Grand Gallery, que também abrigará, em breve, salas que serão coloridas com trabalhos de fotógrafos brasileiros e estrangeiros que desejam expor a arte captada pelas suas lentes. Ou seja, a galeria virtual estará sempre aberta e com múltiplas exposições, à distância de um clique. Em 2020, o Festival também inaugurou uma nova era que garante aos amantes e profissionais de fotografia acesso a canais de conteúdo sobre a arte de fotografar. “O BPS Channel é uma plataforma com diversos programas produzidos para quem quer aprender mais sobre fotografia, para quem deseja apurar o olhar ou apenas entender como tudo funciona nesse mundo sem fronteiras”, explica Vergara. Os programas são acessados gratuitamente nas redes sociais do Festival. “A nossa ideia é agregar, encantar, apontar caminhos, provocar e abrir espaço para quem quiser contribuir”, acrescenta Cleber Medeiros, que além de curador do BPS, é apresentador de alguns programas do BPS Channel.

Além das estatuetas, um dos prêmios do Festival Internacional de Fotografia Brasília Photo Show é a publicação das obras vencedoras em um livro lançado no dia da premiação. Clique e folheie a edição de 2019 em 3D!

PROGRAME-SE
Inscrições para o Brasília Photo Show 2020/2021
Data: Até 28 de agosto de 2020
Local: Site do Festival
VALOR DAS INSCRIÇÕES: Os fotógrafos que inscreverem até 2 (duas) fotos não pagam inscrição. A partir da terceira foto inscrita, há cobrança de R$25 por imagem.
NÚMEROS DO FESTIVAL

1ª edição (2015)
5,4 mil fotos foram inscritas, mais de 5,2 milhões de views no Facebook

2ª edição (2016)
6,4 mil fotos inscritas e mais de 8 milhões de views na rede social

3ª edição (2017)
9.050 fotos inscritas e cerca de 15 milhões de views

4ª edição (2018)
12 mil fotos inscritas e cerca de 15 milhões de views

5ª edição (2019)
13.500 fotos inscritas e cerca de 16 milhões de views

De 2015 a 2019 – quase 60 milhões de visitas à página oficial do festival no Facebook foram registradas

Divulgação: Márcia Neri
Fotos: Mateus Morbeck, Sérgio Silveira, Tina Gomes, Roberto Svolenski, Márcia Sousa, Phablo Araujo, Karine Spezia, Mario Howat