Artistas Andréa Brächer e Letícia Lau apresentam trabalhos durante o Congresso Internacional CSO, que será realizado virtualmente nesta edição

  • Cultura
  • 02/04/2020 - 15:58
  • 318 Views

O Congresso Internacional CSO (Criadores Sobre outras Obras), que aconteceria presencialmente em Lisboa, Portugal, neste ano, será realizado virtualmente entre os dias 02 e 08 de abril. Os congressistas acompanharão a programação exclusivamente por meios on-line, utilizando o Google Meet ou o Google Reunião, em tempo real. E, nesta edição, as artistas gaúchas Andréa Brächer e Letícia Lau farão parte do evento, apresentando trabalhos no segmento artístico.

O tema do Congresso é o olhar particular de cada autor/artista sobre a obra de um colega de profissão. Apresentam-se artistas e criadores em um sentido lato, o que inclui além dos artistas visuais (pintores, escultores, inter-media), também designers, performers, encenadores, compositores, cineastas e outros.

Andréa Brächer abordará dois artigos na sexta-feira, 03, um dos textos tem co-autoria de Sandra Gonçalves, também da UFRGS (Universidade Federal do Rio Grande do Sul). Letícia Lau fará sua participação na segunda-feira, 06, dia em que também comemora o seu aniversário. O Congresso também será transmitido em directo, em streaming, em tempo real pelo Youtube. O evento presencial aconteceria na Sociedade Nacional de Belas Artes, em Lisboa. A organização tomou como medida transformar a edição em um encontro virtual em conseqüência da situação relativa à pandemia do novo Coronavírus (Covid-19).

Programação das artistas:

Sexta-feira, 03 de abril:

13h30min – Monte Olivia: processo e diferença na obra de Hernando Salles – por Sandra Gonçalves e Andréa Brächer

17h – Carrinhos Coletores: fotografia e “latência” na fotocerâmica de Carusto Camargo – por Andréa Brächer

Segunda-feira, 06 de abril:

18h30min – Pintura de um FIM que também é um COMEÇO: um olhar sobre a produção de Vera Wildner - por Letícia Lau

Sobre Andréa Brächer
Andréa Brächer (Porto Alegre/1969). Docente no Instituto de Artes/UFRGS. Artista e pesquisadora de Processos Fotográficos Históricos e Alternativos desde 2003. PhD em Poéticas Visuais (PPGAV-IA/UFRGS, 2009). Selecionada para o Prêmio Porto Seguro de Fotografia (Pesquisas Contemporâneas, 2004). Participou de exposições individuais e coletivas no Brasil e no exterior, destacam-se: 2008 Lilith. Individual. Galeria Iberê Camargo, Centro Cultural da Usina do Gasômetro (Porto Alegre). Seleção por edital; 2004 Prêmio Porto Seguro 2004. Galeria Porto Seguro (São Paulo), exposição coletiva selecionada por edital; 2012 IllusionandChemistry: thealternativeprocess. The KiernanGallery (Lexington/ EUA). Seleção por edital; 2014 A Fotografia e suas Reverberações com a Pintura, a Gravura e o Desenho. Pinacoteca Barão de Santo Ângelo, Instituto de Artes da UFRGS (Porto Alegre). Seleção por curadoria; 2018 Placentária. Coletiva MACRS (Porto Alegre). Seleção por curadoria; 2018 Memória. Coletiva MACRS (Porto Alegre). Seleção por curadoria.

Sobre Letícia Lau
Letícia Lau é especialista em Gestão Cultural pelo Senac, Porto Alegre, RS (2013) e cursando especialização em Práticas Curatoriais no Instituto de Arte da UFRGS (2019-2020); Bacharel em Artes Plásticas pelo Instituto de Artes da UFRGS, Porto Alegre, RS (2005); e Arte educadora pelo Instituto de Artes da UFRGS, Porto Alegre, RS (2000). Possui empresa própria, a Babilônica Arte e Cultura, desenvolvendo o trabalho de curadoria e produção cultural, produzindo exposições de arte no RS e no exterior, assessoria para artistas visuais. Atualmente é membro do Conselho Consultivo do MACRS e do comitê cultural da AAMACRS.

Divulgação: LS8 Consultoria
Fotos: Lisa Roos e Leonardo Kerkhoven