728 x 90

Serra Gaúcha - Outubro 2019

Maria Beatriz Dal Pont representa azeites de oliva gaúchos no evento
Mesa São Paulo

Reconhecida por ser uma grande entusiasta do azeite extra virgem nacional, a
sommelier de azeites Maria Beatriz Dal Pont foi convidada pelo Sebrae RS para ser a embaixatriz dos azeites produzidos no Rio Grande do Sul e representar a cultura gaúcha do insumo no estande “Terra, Gente, Experiências e Sabores”, no Mesa ao Vivo SP, um dos eventos do Mesa São Paulo. O encontro, que acontece de 24 a 27 de outubro, vai reunir um público de 70 mil pessoas no Memorial da América Latina, na capital paulista, além de grandes chefs do Brasil e do mundo, produtores e especialistas nas mais diversas áreas da gastronomia.
Durante os quatro dias do evento que é considerado o maior encontro enogastronômico da América Latina, Maria Beatriz irá apresentar os azeites de oliva das marcas RAR - Nossa Senhora da Oliveira, Batalha, Capolivo e Verde Louro, produzidos no estado, explicando as particularidades de cada blend e varietal e proporcionando degustações dos produtos que passaram pela curadoria da sommelier.
A valorização do azeite extra virgem nacional é uma bandeira levantada pelo Amada Cozinha, restaurante que Maria Beatriz comanda ao lado da filha Carolina Dal Pont Branchi, em Caxias do Sul. “O Amada Cozinha carrega em sua essência o conceito de ser um ‘restaurante do azeite’ pois dá total protagonismo ao insumo nas receitas, além de oferecer cursos e workshops relativos ao tema”, diz a caxiense que, em paralelo ao restaurante, presta serviços de consultoria e assessoramento na área com o projeto Olea Azeites e Experiências.

Créditos fotos: Eduardo Mangoni


Loulou de la Falaise é a musa inspiradora da coleção verão de Rafaela
Tomazzoni

Cor e brilho. É essa a dupla que dita o tom da novíssima coleção em tricô
assinada por Rafaela Tomazzoni. A grife que leva o nome da estilista buscou inspiração no mood francês extravagante de Loulou de la Falaise para dar vida às peças de knitwear que compõem a coleção de primavera/verão. Para criar as tramas, a designer caxiense mergulhou em pesquisas e empoderou-se do estilo contemporâneo da exuberante figura feminina – grande amiga e braço direito do ícone da moda francesa Yves Saint Laurent - o que resultou em uma coleção recheada de peças como saias, vestidos, regatas, casacos e túnicas em uma profusão de cores, babados, mix de pontos, estamparia e brilhos que vão do cobre ao ouro.
Os acessórios desenvolvidos por Rafaela – bolsas e cintos em tricô feito à mão –
prometem ser uma sensação. Até o final de ano, novas peças deverão ser incorporadas à Coleção Loulou, já que a estilista viaja para Marrocos no início de novembro para conhecer in loco o que viu nos estudos. “Nossas coleções não são estáticas e estão sempre em movimento; nos próximos meses ainda lançaremos modelos como kaftans e saídas de praia para serem aproveitadas na estação de calor”, pontua.
A nova coleção pode ser encontrada na KNIT Boutique, localizada na Rua
Plácido de Castro, nº 1063, sala 902, em Caxias do Sul ou pelo e-commerce da marca, disponível em www.rafaelatomazzoni.com.br e com entrega em todo Brasil.

Créditos fotos: Rafaela Tomazzoni


Antonio Giacomin apresenta a exposição Palhaços - Artistas da Vida em
Caxias do Sul

Um circo armado na beira da estrada no município de Sete Lagoas – MG, em
2011, durante uma viagem para a produção do poético livro Jeito de Ser Brasil, lançado com o jornalista Nivaldo Pereira. Foi esse cenário que serviu de inspiração para as 45 aquarelas sobre papel definidas pelo artista Antonio Giacomin como “orgânicas, coloridas e felizes” e que estão expostas na Galeria que leva o seu nome até o dia 1º de novembro.
As obras retratam basicamente palhaços de circo, mas servem como homenagem a todos “os sobreviventes da vida, desde o palhaço de circo, o malabarista de esquina, com fogo, faca, cones e até mesmo o palhaço de hospital, que ressuscita a alma dos doentes.”, enaltece Giacomin. O artista é reconhecido nacional e
internacionalmente como um dos principais nomes na produção de aquarelas, já
teve trabalhos expostos em mostras e eventos em diversos países do mundo.
A exposição com as obras “Palhaços – artistas da vida” pode ser visitada na
galeria até o dia 1º de novembro. O horário de visitação é de segunda a sexta, das 8h às 18h, aos sábados, das 9h ao meio-dia, com agendamento.

Créditos fotos: Eriel Giotii

Últimas Colunas

Instagram @revistaonne