Projeto Mulheres Míticas discute o poder feminino a partir de personagens históricas e fictícias

  • Cultura
  • 26/05/2022 - 10:48
  • 46 Views

De junho a novembro deste ano, os professores e psicanalistas Keylla Jung e Rafael Werner se encontram no Instituto Ling para debater, a partir de figuras como Antígona, Joana d'Arc, Mulan, Sherazade e Afrodite, temas que vão de luta e opressão à força da sensualidade

O Instituto Ling recebe, de junho a novembro deste ano, o projeto Mulheres Míticas, uma programação especial para pensar o poder revolucionário do feminino como força simbólica da luta para a concepção de um mundo melhor. A partir da trajetória de personagens reais e fictícias, os professores e psicanalistas Keylla Jung e Rafael Werner refletem sobre a construção social da mulher e o seu papel na sociedade, debatendo assuntos como preconceito, julgamentos e empoderamento.

Serão quatro minicursos realizados sempre nas quintas-feiras, das 19h às 21h, com diferentes temas a cada edição. A estreia será com encontros nos dias 2 e 9 de junho para discutir a luta e a opressão através das histórias de Antígona, Alice no País das Maravilhas, Joana d'Arc e Anna O. Depois, em 11 e 18 de agosto, as reflexões serão sobre o lugar do feminino, comparando figuras como Hera, Medéia, Jocasta e Simone de Beauvoir.

A programação seguirá nos dias 22 e 29 de setembro, debatendo insurreições femininas, enquanto são traçados paralelos entre as trajetórias de Camille Claudel, Mulan, Sherazade e Angela Davis. O curso termina em 10 e 17 de novembro falando sobre a força do sensual em aulas sobre Afrodite, Safo, Diotima e Lou Salomé.

Os participantes podem optar por garantir o passaporte para o curso completo, com valor promocional, ou adquirir os minicursos separadamente, com preços de R$ 220 cada. As matrículas podem ser feitas no site www.institutoling.org.br e na recepção do centro cultural.

Sobre os professores
Keylla Jung é especialista em psicoterapia psicanalítica e supervisão clínica. Também possui graduação em Filosofia. Rafael Werner possui doutorado em Filosofia, nas áreas de concentração em ética e antropologia. É coordenador do Centro de Estudos em Filosofia e Humanidades (CEFIH) e da Associação Livre Psi (ALPSI). É membro do Centro de Estudos Psicanalíticos de Porto Alegre (CEPdePA). Ambos trabalham com atendimento clínico, em seus consultórios privados.


SERVIÇO – PROGRAMAÇÃO PRESENCIAL
Curso Mulheres Míticas
Com os professores e psicanalistas Keylla Jung e Rafael Werner
Quintas-feiras, das 19h às 21h
Instituto Ling (Rua João Caetano, 440 – Três Figueiras – Porto Alegre/RS)

Dias 2 e 9 de junho | Luta e Opressão
Discussões sobre Antígona e Alice no País das Maravilhas, Joana d'Arc e Anna O

Dias 11 e 18 de agosto | O Lugar do Feminino
Discussões sobre Hera, Medéia, Jocasta e Simone de Beauvoir

Dias 22 e 29 de setembro | Insurreições Femininas
Discussões sobre Camille Claudel, Mulan, Sherazade e Angela Davis

Dias 10 e 17 de novembro | A Força do Sensual
Discussões sobre Afrodite, Safo, Diotima e Lou Salomé

Ingressos
Matrículas para os minicursos individuais (cada): R$ 220,00
Passaporte para o curso completo: R$ 704,00 (preço promocional com 20% de desconto)

Pontos de venda
Site: www.institutoling.org.br
Recepção do Instituto Ling: funcionamento de segunda a sábado, das 10h30 às 20h

Classificação etária: Livre
Duração de cada encontro: 90 minutos

Informações úteis
institutoling.org.br
www.facebook.com/InstitutoLing
www.instagram.com/Instituto.Ling
twitter.com/@InstitutoLing
www.youtube.com/c/InstitutoLingCultural
Fone: 51 3533-5700
Email: instituto.ling@institutoling.org.br

Sobre o Instituto Ling
Criado e mantido pela família Ling desde 1995, o Instituto Ling é uma instituição sem fins lucrativos voltada para a transformação da sociedade. Sua missão é promover o desenvolvimento humano e a evolução da sociedade através da disseminação de diferentes formas do conhecimento, da liberdade de pensamento, da valorização da cultura e da saúde. Na área da educação, desde 1995 auxilia jovens líderes a desenvolverem seus potenciais intelectuais e empreendedores através da concessão de bolsas de estudo para as melhores instituições do mundo. A abertura de seu Centro Cultural em Porto Alegre, no ano de 2014, ampliou e solidificou a atuação do Instituto, firmando-o como centro de referência na disseminação do conhecimento e do livre-pensar, fomentador da educação de excelência em seus múltiplos formatos e provedor de serviços e produtos culturais diferenciados, com elevado padrão de qualidade e estética.

Na área da saúde, o Instituto Ling estabeleceu parceria com o Hospital Moinhos de Vento, em 2015, para a implantação de um centro de referência no tratamento do câncer em Porto Alegre, e com a Santa Casa de Misericórdia, em 2019, contribuindo para a construção do novo prédio do complexo hospitalar em Porto Alegre. A família Ling, mantenedora do Instituto, é proprietária da “holding company“ Évora. O grupo empresarial produz e comercializa latas de alumínio para bebidas, não-tecidos de polipropileno (usados principalmente na produção de descartáveis higiênicos) e tampas plásticas para bebidas e produtos de higiene e beleza.

Divulgação: Jessica Barcellos
Imagem: Divulgação