Ivana Andrade estreia na Mostra Artefacto usando verde para evocar frescor, motivação e criatividade

Com uma longa carreira em Minas Gerais, a arquiteta Ivana Andrade passou a atuar, também, no Paraná, com ênfase em Curitiba e na região dos Campos Gerais.

Na última quinta-feira, 19 de maio, a profissional teve sua estreia na Mostra Artefacto, onde apresenta uma vitrine que evoca elementos da natureza de forma surpreendente

O espço carrega uma série de elementos refinados, a começar pelo mobiliário da Artefacto. “Os móveis da Artefacto tem elegância e imponência. Minha ideia foi propor um espaço onde eles pudessem brilhar”, conta Ivana. O ponto de partida do projeto foi o papel de parede Gucci, trazido exclusivamente para compor a decoração.O fundo verde inspirou Ivana a ampliar o uso da cor em vegetação, aplicada em grandes vasos Organne. “Verde evoca frescor, saúde e tranquilidade. É a cor da motivação, da criatividade e da imaginação A natureza é sempre atemporal e, para mim, um símbolo de renovação e prosperidade”, conta a arquiteta.



O espaço tem 95m2 e é dividido em três áreas: estar, convívio e jantar. A proposta é usar uma das salas para receber convidados, ou até relaxar após um dia de trabalho, Destaque para o buffet Constantin, com formas arredondadas e para o sofá Carrie, com contornos mais alongados capazes de acomodar mais pessoas com conforto e ergonomia – o encosto, em formato de concha que "abraça", também estende-se de ponta a ponta, contribuindo para o shape contemporâneo e minimalista.



Já na sala de estar, o sofá Escape tem módulos componíveis (braços, chaises e puff), o que faz dele um coringa multifunções. Suas fatias podem ser arranjadas/rearranjadas entre si a fim de criar diferentes cenas e acionar usos variados dentro de casa. Na área de jantar, a mesa Lena eleva a sofisticação do espaço. Feita em ébano na parte exterior, e aço inox polido no interior, seu grande tampo de 1,8m de diâmetro tem acabamento Radiance (super brilhante e reflexivo).



Os objetos de decoração de Lais Aliski Casa seguem no mesmo tom de elegância,mas com elementos modernos, uso de pedra sabão, “afinal Minas Gerais sempre aparece em meus projetos”, cristal, prata e objetos assinados por designers brasileiros completam a composição.



As obras de arte são curadoria de Sérgio Gonçalves, que sugeriu Newman Schutze, com a série Paisagens Improváveis. “Essa obra nos convida a mergulhar e ter a sensação que, ao mesmo tempo em que ela é abstrata, podemos vislumbrar as trilhas e caminhos para o relaxamento”, conta Sérgio. Na outra parede, está a obra de Ryan Hyrz, artista norueguês que pinta ouvindo músicas clássicas e que dá à tela o título da peça que estava ouvindo enquanto a criava.E a obra de Grieg - Lyric Pieces, op. 46.3 - faz o diálogo perfeito com a escultura de Glenn Hamilthon, da série Diáfanas.





Papel de parede



Famoso após ser usado por Sig Bergamin no projeto da influenciadora Silvia Braz, o papel de parede Gucci marca uma série de lançamentos de produtos para casas da grife italiana. Hoje, diversos nomes aclamados na indústria têxtil estão voltando seus esforços para o design de interiores. Esse comportamento foi impulsionado pela mudança dos consumidores durante e após a pandemia.



As buscas por “mesa de cabeceira”, “jardinagem” e “papel de parede” cresceram mais de 50% na Amazon, enquanto a Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm) registrou aumento de 23,61% nas vendas online de móveis e decoração. Um levantamento do Grupo Consumoteca indicou que 55% das pessoas da classe A fizeram algum upgrade na decoração durante o distanciamento social. Na Mobly, marketplace de móveis e decoração, e na Camesa, marca especializada em artigos de cama, mesa e banho, as vendas saltaram mais de 100%.



Sobre a Mostra Artefacto



Autêntico. Instintivo. Nativo. Orgânico. Puro. Simples. O que é essencial para ser natural? O que naturalmente nos conecta? A Mostra Artefacto, que tem como proposta uma casa mais orgânica, celebra os 45 anos da marca com o tema DNA Natural. “Com 45 anos de história, a Artefacto continua valorizando o DNA fatto a mano. Rompemos as fronteiras do Brasil para virar referência internacional em móveis de alto padrão – hoje, somos líderes no sul dos Estados Unidos. Mobiliamos empreendimentos assinados pelos maiores starchitects do planeta: Norman Foster, Bjarke Ingels, Antonio Citterio, Herzog & de Meuron, Renzo Piano, Zaha Hadid, entre outros”, conta Paulo Bacchi, CEO da empresa. “Também fomos os escolhidos para o novo projeto do Cipriani Club, em Nova York, além de estarmos presentes em hotéis de luxo que vão de Jumby Bay Island ao Hotel du Cap-Eden-Roc, no sul da França”, finaliza Bacchi.



Sobre Ivana Andrade



Há mais de 25 anos a arquiteta Ivana Andrade trabalha com projetos arquitetônicos e de interiores. Sua carreira tem passagens por grandes empresas, incluindo uma holding de shopping centers. Assim, Ivana aprendeu a gerenciar obras e equipes, conhecimentos aplicados até hoje em seus projetos. Após consolidar seu trabalho em Minas Gerais, Ivana chega ao Paraná com foco em novas parcerias e o avanço de seu escritório na região de Curitiba e Campos Gerais. Ao longo do tempo, a arquiteta participou de importantes mostras de arquitetura e decoração, como Casa Cor, Modernos Eternos, entre outras.

Crédito fotos: Marcelo Elias