Exposição Penacho une natureza e moda em fotografias fascinantes de Nuno Papp

A paixão pela natureza e pela moda levou o fotógrafo Nuno Papp a unir esses dois mundos: o natural, que não depende da interferência humana para mostrar toda a sua beleza, e o artificial, criado a partir do seu olhar, interpretação, criatividade e subjetividade. Para isso, ele levou ao seu estúdio de fotografia alguns animais de fazenda para serem protagonistas de um ensaio de moda.



Foi assim que nasceu a exposição Penacho, que está em cartaz até o dia 30 de abril na Prestinaria do São Lourenço. Lá, o visitante poderá ver galinhas ruivas, marrecos de cabeça verde, galos de pescoço pelado e outras aves em ângulos improváveis posando para as lentes de Nuno Papp como se fossem modelos vestindo alta costura. Tudo ambientado em um espaço cheio de luz e orquídeas, que ajudam a criar um clima ainda mais especial para a mostra.



"Quando eu olho um pato ou uma galinha, por exemplo, eu vejo beleza e moda. Vejo cores, texturas, formas e movimentos. Foi essa a minha inspiração para levar esses animais para dentro de um estúdio, para trabalhar a luz e os ângulos como se eles fossem modelos", comenta o fotógrafo.



A exposição Penacho, do fotógrafo Nuno Papp, está em cartaz na Prestinaria do São Lourenço (Rua Mateus Leme, 3440) até o dia 30 de abril. Os trabalhos podem ser visitados diariamente, das 8h às 20h. A entrada é gratuita. Mais informações pelo e-mail nunopapp@nunopapp.com.br ou telefone (41) 9998-26547.

Crédito foto Nuno Papp: reprodução internet
Crédito demais fotos: Nuno Papp